07 animais extintos a menos de 27 anos

Thumb 07 animais extintos a menos de 27 anos

Pica-pau Bico de Marfim

O primeiro animal, o  pica-pau bico de marfim, foi extinto a cerca de 23 anos. O último da espécie foi visto na natureza em 1940 e desde então há vários relatos de pessoas que já avistaram esses pássaros.

Além disso, uma gravação de áudio de 2002, que supostamente era o bico de marfim bicando uma árvore, causou uma grande alvoroço entre cientistas e aficionados que passaram a procurar pelo pica-pau.

Resultado de imagem para Pica-pau Bico de Marfim

Apesar de algumas pistas promissoras, a ave permanece oficialmente extinta.
Tigre de Java

Extinto também a cerca de 23 anos, essa subespécie, o maior dos felinos, vivia na Ilha Indonésia de Java.

Os cientistas não conseguiram encontrar qualquer outra evidência de que estes tigres ainda estavam por lá. Aparentemente a principal causa da extinção foi a perda de habitat ocasionada pela agricultura da região

Resultado de imagem para Tigre de Java
Pato da espécie Mulard

O Mulard, uma espécie de pato, foi extinto a aproximadamente 13 anos devido à perda de habitat ocasionada pela drenagem de pântanos para a agricultura e pelos danos na natureza trazidos pela segunda guerra mundial.

Resultado de imagem para Pato da espécie Mulard

Estes foram os principais motivos que causaram o declínio dessa espécie de pato que era encontrada em apenas três ilhas do pacífico.

Golfinho Baiji

Extinto a cerca de 10 anos, o golfinho Baiji voltou a ser considerado funcionalmente extinto em 2007, após indícios de uma gravação em vídeo que mostrava o que parecia ser este animal ter sido descartada.

No entanto, mesmo se houver apenas uma dessas criaturas vivas, outros não vão nascer.

 
A foca-monge das caraíbas

Os representantes dessa espécie foram cassados extensivamente durante os séculos 1700 e 1800, especialmente pela gordura desses animais ser utilizada com óleo para lâmpadas e máquinas.

A extinção dessas focas também significa o desaparecimento de uma espécie de inseto que só vivia dentro do nariz desses animais aquáticos

Resultado de imagem para A foca-monge das caraíbas

Rinoceronte negro do oeste

Vítima da caça desenfreada, apesar dos esforços de ambientalistas e de leis de proteção, a subespécie de rinoceronte negro foi oficialmente declarada extinta em 2011.

Além disso as outras três subespécies de rinocerontes negros restantes também estão criticamente em perigo.

Resultado de imagem para Rinoceronte negro do oeste

 
Tartaruga gigante de Galápagos

A última das tartarugas gigantes das Ilhas Galápagos no Equador, o  famoso “Gorge Solitário”, morreu em Junho de 2012 aos 100 anos de idade.

Enquanto vivo, o animal chegou a ser considerado uma das criaturas mais raras do mundo. Especialmente por não ter tido filhotes ou outro indivíduo conhecido da sua subespécie.

Resultado de imagem para Tartaruga gigante de Galápagos

Envie seu comentário:

Você também pode gostar: